Pesquisar este blog

segunda-feira, 2 de junho de 2008

Pego de Surpresa...

De longe ele avista as janelas do apartamento, luzes apagadas. Será que ninguém em casa? Sonho se evaporou, a MCDL estava na sala com as luzes apagadas e tv ligada e tinha uma cara de quem havia acabado de chupar um puta dum limão. A mãe dela na cozinha terminando o jantar. Ele deixa suas coisas no quarto e volta à sala para usar o computador. Coloca os fones de ouvido e dá o play no seriado que havia acabado de baixar. De repente ele ouve um mugido. Pensou ter ouvido coisa, mas novamente outro mugido e mais outro. Ele lentamente dá um pause, tira um dos lados do fone de ouvido e vira para encarar a mãe da MCDL, ele fazendo cara de nada:
-A MCDL pode ficar com você?
“NÃO!” Ele pensou mais que depressa, mas ao invés da resposta sair, ele ficou mudo com cara de nada:
-Você vai sair?
-Não – ele responde, “mas que droga, essa resposta deveria ser para a outra pergunta”.
Enfim, logo após a resposta, ele simplesmente coloca o fone novamente, aperta o play e foge desse mundo. Novamente, outro mugido. Dessa vez, a dona velha está em pé ao seu lado, com um objeto preto não identificado:
-Vou deixar meu celular com você, pois uma amiga vai me ligar porque a MCDL esqueceu sua mochila no carro dela. Daqui alguns minutos, desligue o feijão, vou a novena.
-Alguns minutos, QUANTO?
-Uns vinte.
Ela se despediu e se foi. No tempo indicado ele levantou, se dirigiu a cozinha, fez seu prato e perguntou para a MCDL se ela já havia comido, ouviu um canto jubarte em resposta afirmativa. Ele se sentou, comeu, em seguida foi tomar banho sem se importar com o recado do celular, se tocasse... bem que ficasse tocando, ele não é pago para ser secretário do lar! (Não desse lar!)