Pesquisar este blog

segunda-feira, 28 de dezembro de 2009

Trilha sonora

Nossa vida é movida por trilhas sonoras. Os mocinhos têm, os vilões também. Seja no cinema, seja em novelas, seja até em desenhos animados.
Na vida real não seria diferente, também temos aqueles momentos que nos remetem a certas músicas e tal.
E por que seria diferente com MCDL?
Agora ela terá uma trilha sonora, ou seja, toda vez que ela aparecer no recinto, tocará sua música.

'Prestenção' e veja se gosta:

"Doce, doce viver no planeta doce

Gasolina é guaraná e jorra em qualquer lugar
Polícia é brigadeiro e é sempre um bom companheiro
O Sol é um quindim e brilha doce até o fim
Nuvens de algodão doce, pirulitos no jardim"

quarta-feira, 23 de dezembro de 2009

All I want for Xmas

"Eu não quero muito nesse natal
Só tem uma coisa que eu preciso
Eu não me importo com os presentes
Que estão embaixo da árvore de natal

Eu não preciso pendurar a minha meia na lareira
Papai Noel não vai me fazer feliz
Com um brinquedo no dia do Natal
Eu não vou fazer uma lista de presentes e mandar
Para o Pólo Norte

E todo mundo está cantando
Eu escuto aqueles sinos tocando
Papai Noel não vai me trazer
A única coisa que eu realmente preciso

Tudo que eu quero de Natal é você!"

segunda-feira, 21 de dezembro de 2009

Um pouco de Cultura.

É sempre bom um pouco de cultura, e o Teatro Guaíra tenta promover a cultura para os que não podem acessá-la com o chamado "Teatro para o Povo". Nesse dia do teatro para o povo, os ingressos são distribuídos gratuitamente para qualquer espetáculo que esteja em cartaz nesse dia. Nesse domingo foi o Quebra Nozes, com o Balé Teatro Guaíra e a Orquestra Sinfônica do Paraná.
Acontece que uma vez pobre, sempre pobre. As pessoas aplaudiam ao espetáculo como se estivessem em um show de sertanejo universitário, não sabem que os dançarinos precisam se concentrar? Fora os assobios, os gritos, as conversinhas e as crianças chorando porque na certa foram obrigadas a ir ao concerto.
Tudo bem, eu gostei do espetáculo, estava impecável. Mas seria bom uma cartilha de Cultura para o cidadão.

quarta-feira, 16 de dezembro de 2009

É fácil ser pobre...

...quando tem alguém que te banque. E assim a vida corre.

Mãe da MCDL vive pagando de pobre. Isso não é novidade, volte alguns meses de postagem que entenderá bem. Só que a cara de pau não tem limites, acredito que devamos incluir no dicionário um novo verbete que vá além da cretinice.
Falou e disse o que queria a respeito da família dele, usou e abusou deles feito gato e sapato e agora resolve pedir na maior cara lavada dinheiro emprestado.
Ué?! Vive de doações? Criança Esperança acontece todo outubro, por que não aproveitou e pediu uma graninha? Garanto que no cartão de crédito deles tem muito limite disponível. Corre lá.
Já sei, faça uma rifa de óleo de peroba e aproveite compre uns números também para que você ganhe o brinde. Quer uma lixadinha também para dar acabamento?

Essa foi pra fechar o ano com chave de ouro (ouro falso por favor, senão a mãe da MCDL vai pedir um pedacinho emprestado).

quinta-feira, 10 de dezembro de 2009

Alimentem os peixinhos

É SÓ CLICAR...

Prendeu na porta

Saindo mais cedo da faculdade (ritmo de final de ano) ele resolveu pegar outro ôni...cofcof, um mais ligeiro (entenderam o trocadilho?). Dirige-se à estação tubo para pegar o cinzento chamado Centenário.
Chegando lá o ôni...cofcof já estava se aproximando, ele entrou correndo no tubo e quando foi entrar no ôni...cofcof a porta se fechou nele, metade dele ficou pra fora e a outra metade ficou pra dentro. Ele recua, o motorista abre a porta e ele entra.
De repente ouve a mocinha da gravação anunciar:
- Você poderá fazer conexão com: Ligeirinho Centenário, sentido Centenário.
- Como assim??? – ele se questiona.
Ele já deveria estar dentro desse maldito Centenário e não podendo fazer conexão com o busão. Ainda bem que só tinha ele e mais uma menina dentro do ôni...cofcof. Ela também havia pegado o ônibus errado e os dois riam de suas caras de patetas.
O pior foi voltar ao mesmo tubo de onde ele tinha entrado do ôni...cofcof errado e o cobrador indagando em voz alta “eita!!”, e então os três passaram a rir da situação.
É... e ele ainda ficou preso na porta à toa.

segunda-feira, 7 de dezembro de 2009

aos 40

Amanhã eu terei 40 anos, por opção.
Mas será apenas para representar um papel em um trabalho da faculdade, porém, estou me divertindo.

quinta-feira, 3 de dezembro de 2009

PARABÉNS... LU!!!!

Quando comecei a dançar, nele eu me espelhava. Quis o tempo nos fazer inimigos, e como esse mundo dá voltas, hoje somos grandes amigos.
Parece fácil falar das pessoas de quem gostamos, mas é algo complicado de se fazer, uma vez que queremos usar as melhores palavras, as melhores frases de efeito ou simplesmente dizer o que nos vem à cabeça ou o que o coração nos manda. Por vezes, as palavras teimam em não sair e somos forçados a recorrer aos poemas prontos, ou a canções inteligentes e nos apropriar, devidamente, de palavras de outra autoria. Eu tento agora criar algo interessante, algo talvez simples, usando a teoria do “menos é mais” para homenagear nessa data querida um muy amigo. Um amigo capaz de enxergar em mim o que ninguém mais enxerga, um amigo capaz de sentir algo que eu jamais consegui expressar, um amigo que me entende quando ninguém mais tenta ou quer me entender, um amigo o qual nem preciso usar palavras, no olhar ele consegue me captar.
Valorizo esse amigo pelo fato de que ele procura saber de todos os detalhes antes de acusar ou de defender, ele não fala simplesmente por falar, pode crer que quando ele abre a boca é porque ele tem certeza.
Ele não é perfeito, eu sei! E afinal de contas, quem é perfeito? Eu não gosto de pessoas perfeitas, pois não nos permitem aprender com os erros, os seus e os dela.
Mesmo com os seus defeitos, ele é pra mim um perfeito imperfeito, e na sua perfeita imperfeição eu tenho uma profunda admiração.
Gosto quando me analisa. Gosto quando me elogia. Aliás, quem não gosta de ser elogiado? Mas nesse caso é diferente. Imaginem como se o seu artista preferido, aquele quem você se espelha e admira passa a fazer o mesmo por você, passa a te admirar e elogiar. Existe recompensa maior? Existe amigo melhor?
Talvez eu pudesse ocupar páginas inteiras falando de você, de sua família que sinto como se fosse a minha, mas irei me ater apenas ao objetivo de te desejar um feliz aniversário. Com os desejos de realização e sucesso, que já são de praxe. No fundo eu sei que você sabe tudo o que eu quero dizer e desejar, no fundo eu sei que você sempre saberá. Eu sei que me conhece muito bem, mais do que eu mesmo sou capaz de conhecer.

FELICIDADES, DIVO!!!